E-Farsas As fabricantes de 3 vacinas devem bilhões em multas processuais e por isso não são confiáveis?

As fabricantes de 3 vacinas devem bilhões em multas processuais e por isso não são confiáveis?

Texto compartilhado afirma que as farmacêuticas responsáveis pelas vacinas da Moderna, da Johnson & Johnson e da AstraZeneca devem bilhões em processos e, por isso, suas vacinas não são confiáveis! Será? A imagem contendo um texto a respeito da reputação de 3 fabricantes de vacinas contra o novo coronavírus se espalhou nas redes sociais – […] O post As fabricantes de 3 vacinas devem bilhões em multas processuais e por isso não são confiáveis? apareceu primeiro em E-farsas - Desvendando fake news desde 2002!.

E-Farsas

Texto compartilhado afirma que as farmacêuticas responsáveis pelas vacinas da Moderna, da Johnson & Johnson e da AstraZeneca devem bilhões em processos e, por isso, suas vacinas não são confiáveis! Será?

A imagem contendo um texto a respeito da reputação de 3 fabricantes de vacinas contra o novo coronavírus se espalhou nas redes sociais – principalmente em grupos do WhatsApp – no final de outubro de 2021 e deixou muita gente preocupada com a eficácia das campanhas de vacinação.

De acordo com o texto, 3 das maiores empresas por trás de algumas das vacinas usadas no combate à pandemia da COVID-19 estariam devendo bilhões de dólares na justiça por problemas processuais em relação a problemas internos em seus medicamentos.

O texto dá a entender que nenhuma dessas empresas é confiável, portanto as vacinas fabricadas por elas também não tem nenhuma eficácia.

Será que isso é verdade?

E-Farsas

E-Farsas

E-Farsas
Texto (sem correções) de uma das versões compartilhadas em grupos do WhatsApp no final de outubro de 2021:”ESCOLHA SUA VACINA DE COVID-19 O QUE VOCÊ PRECISA SABER: Pfizer – US $ 4,7 bilhões em multas por falsas alegações, violações de segurança em medicamentos e equipamentos médicos, promoção off-label, práticas corruptas, propinas e suborno. – Moderna: Nunca colocou nenhuma vacina no mercado desde sua fundação, apesar de ter apresentado mais de 9 vacinas candidatas, nenhuma delas passou pelos testes clínicos de fase 3. – Johnson & Johnson: Citada em centenas de processos judiciais por produtos tóxicos e / ou perigosos, incluindo drogas, xampus, equipamentos médicos e talco contaminado com amianto para bebês. – AstraZeneca: Suspensa por duas dezenas de países europeus devido a reações adversas graves e letais, como coágulos sanguíneos. NÃO SE PREOCUPE, VOCÊ ESTÁ EM BOAS MÃOS! E SE VOCÊ FOR VACINADO, LEMBRE—SE DE USAR MÁSCARA E MANTER O DISTANCIAMENTO SOCIAL, POIS VOCÊ AINDA PODE ESPALHAR COVID-19. ACREDITE NA CIÊNCIA”

Verdade ou mentira?

Analisamos, a seguir, cada uma das alegações presentes no texto:

“Pfizer – US $ 4,7 bilhões em multas por falsas alegações, violações de segurança em medicamentos e equipamentos médicos, promoção off-label, práticas corruptas, propinas e suborno.[…]” 

Exagerado!

Em 2009, a farmacêutica Pfizer aceitou pagar US$ 2,3 bilhões em um acordo extrajudicial após ser acusada de divulgar e vender quatro medicamentos para usos não que ainda não haviam sido regulamentados pelo Departamento de Saúde dos Estados Unidos.

Segundo reportagens da época, o fato foi considerado o maior caso de de fraude relacionada com saúde da história dos EUA!

Em nota, a multinacional lamentou o ocorrido e afirmou que iria tomar providências para melhorar seus controles internos. A empresa acordou em pagar uma multa de cerca de US$ 1,2 bilhão e mais US$ 1 bilhão restantes posteriormente para encerrar o processo.

Não encontramos outros processos que resultaram em outras multas bilionárias que chegassem ao valor de U$ 4,7 bilhões, como informado na corrente.

“Moderna – Nunca colocou nenhuma vacina no mercado desde sua fundação, apesar de ter apresentado mais de 9 vacinas candidatas, nenhuma delas passou pelos testes clínicos de fase 3.” 

Falso!

No fim de 2017, a empresa americana Moderna Therapeutics ainda era uma startup (que já valia U$5 bilhões) e já apresentava estudos promissores de vacinas, como essa contra o câncer

Antes ainda, em 2015, a Moderna já havia firmado acordos com diversos institutos de pesquisas pelo mundo para o desenvolvimento em conjunto de vacinas, como essa parceria firmada com o francês Institut Pasteur.

No ano seguinte, a empresa recebeu um aporte de US$ 125 milhões para o desenvolvimento de uma vacina contra o zika vírus. Os testes em humanos começaram 2 anos depois.

Em relação à afirmação de que a Moderna teria apresentado mais de 9 vacinas contra a COVID-19, não encontramos nada a respeito. 

Outra inverdade é sobre a vacina da Moderna não ter passado pela fase 3 de testes. Em fevereiro de 2021, o imunizante passou pela terceira fase, demonstrando que a vacina da Moderna tem uma eficácia geral de 94,1%. 

“Johnson & Johnson – Citada em centenas de processos judiciais por produtos tóxicos e / ou perigosos, incluindo drogas, xampus, equipamentos médicos e talco contaminado com amianto para bebês.” 

Verdade!

Em 2020, a Johnson & Johnson foi condenada a pagar US$ 2,1 bilhões por danos causados por um talco que causa câncer de ovário. 

Não encontramos nenhuma relação entre essas multas e a vacina da empresa contra o novo coronavírus!

“AstraZeneca – Suspensa por duas dezenas de países europeus devido a reações adversas graves e letais, como coágulos sanguíneos.” 

Verdade, mas…

É verdade que a vacina da AstraZeneca foi suspensa em março de 2021. No entanto, a suspensão foi revogada uma semana depois, após comprovação da segurança do imunizante

“NÃO SE PREOCUPE, VOCÊ ESTÁ EM BOAS MÃOS! E SE VOCÊ FOR VACINADO, LEMBRE—SE DE USAR MÁSCARA E MANTER O DISTANCIAMENTO SOCIAL, POIS VOCÊ AINDA PODE ESPALHAR COVID-19. ACREDITE NA CIÊNCIA” 

Esse trecho é verdadeiro. Mesmo estando imunizado, você ainda pode ser um vetor de disseminação do vírus, pois a vacina não impede o contágio em 100%. O que foi comprovado é que o contaminado tem sintomas mais leves se estiver vacinado. 

Além disso, a máscara, a vacinação e o distanciamento social dificultam o espalhamento do novo coronavirus com suas variantes.

Conclusão

Texto que circula em grupos do WhatsApp questionando a eficácia das vacinas baseando-se na idoneidade de 3 farmacêuticas é exagerado e mistura dados reais para induzir ao leitor que a vacinação é prejudicial à saúde!

O post As fabricantes de 3 vacinas devem bilhões em multas processuais e por isso não são confiáveis? apareceu primeiro em E-farsas - Desvendando fake news desde 2002!.

Últimas